27 setembro, 2010

sentimento cor-de-rosa

Acho que já vi essa cena antes.
Na verdade acho que já vi essa cena milhares de vezes.

Começando pela implicância e por morder os lábios e dar um sorriso daqueles. Um sorriso daqueles bem idiotas, daqueles que você não consegue tirar do rosto. Você morde os lábios pela milésima vez e ri alto, sabe que está fazendo papel de idiota, mas não está nem aí.
You're falling in love, girl!
É sempre assim que acontece, e mesmo que saiba que não é a atitude mais inteligente á se tomar você não se importa.
Acho que se apaixonar é a melhor parte de tudo que possa vir depois. Se lembrar de você correndo para casa para poder encontrá-lo na internet, fazer algo mínimo mas que tenha influência daquilo que ele disse na semana passada.
Rir e sempre lembrar da pessoa.
Por mais que não dê em nada, por mais que seja a coisa mais ingênua do mundo, é a melhor coisa também.
É meio parecido como olhar um dia de sol com fones de ouvido tocando um country que lhe acalme, é como ver filme de romance e chorar.
É a coisa mais tola e mais idiota do mundo e é a coisa que mais pode machucar também, mas não importa se for o que seu coração grita ferozmente quando você o vê.
Pensar nele toda hora, sair do seu confortável lugar para procurá-lo no recreio.

Acho que talvez 'amor' seja forte demais, talvez a palavra não caiba bem aí . Acho que esse sentimento não é vermelho, talvez seja rosa claro. É, rosa claro.
É o frio na barriga, o sorriso que não sai da cara e a alegria de estar com ele por mais que não falem nada, é esse o sentimento cor-de-rosa que a Sandy cantava em minha infância incessantemente: EU ACHO QUE PIREI MEUS PÉS SAÍRAM DO CHÃO!

É abstrato e convidativo, e até mesmo misterioso.
E você que sempre se atraiu por esses tipos vai atrás!

Boa viagem, garota!

Um comentário:

Chapeleira disse...

HAHAHAHA , gostie da party da sandy . Mas sabe como ée , nunca gostei muito de rosa (: